Chama-me pelo teu nome – André Aciman… por Andreia Silva

40516744.jpgSINOPSE: Chama-me pelo Teu Nome é um romance arrebatador sobre o desejo e a experiência da atração. Uma das grandes histórias de amor do nosso tempo, narrada de forma inteligente e imprevisível.

Na idílica Riviera italiana nasce um romance intenso entre um rapaz de dezassete anos e o convidado dos pais, um estudante universitário que irá passar com eles umas semanas no verão.

Divididos entre o receio das consequências e o fascínio que não conseguem esconder, avançam e recuam movidos pela curiosidade, o desejo, a obsessão e o medo, até se deixarem levar por uma paixão arrebatadora e descobrirem uma intimidade rara que temem nunca mais encontrar.

OPINIÃO: Na Riviera italiana, durante o verão, nasce um romance entre Elio, um jovem de dezassete anos, e Oliver, um estudante universitário que passa umas semanas com os pais de Elio. Com o medo e o desejo em guerra, os dois tentam entender o sentimento que nasceu ali, travando batalhas a cada olhar trocado.

“Chama-me pelo teu nome” é um livro intemporal. Poderá ser lido daqui a muitos anos e, ainda assim, impactar quem o lê. Dotado de uma escrita poética e algo floreada, carregada de metáforas e descrições, faz com que o leitor queira guardar esta leitura num lugar especial.

Mesmo que o leitor não se identifique com os personagens, ou mesmo com a própria história, é impossível não se deixar embrenhar nas emoções e nos sentimentos que estas duas pessoas sentem e partilham. A forma como esta relação é descrita extravasa as páginas, chegando a nós.

É um livro bastante gráfico no que diz respeito a descrições do foro sexual, não sendo no entanto um livro erótico, até porque não me parece que seria essa a ideia do autor ao descrever essas passagens. É coerente com a história por esta estar escrita e descrita de uma forma bastante crua, sem grandes enrolamentos.

É um livro que se lê muito bem. A escrita está muito bem trabalhada e ao mesmo tempo fluída, facilitando que não se dê pelas páginas a passar. Gostei do enredo em si, porque nos mostra como o amor pode aparecer no sítio mais improvável e que nem todas as histórias de amor são iguais. Mostra-nos outros pontos de vista de uma história de amor sem retirar todo o encanto e todo o sentimentalismo que estas podem acarretar.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s