A rainha branca – Philippa Gregory

25671399SINOPSE: A Rainha Branca é a história de uma plebeia de grande beleza, que ascende à realeza, servindo-se dos seus trunfos e que casa com o rei Eduardo IV. Embora de origens humildes, ela mostra estar à altura da sua elevada posição social e que luta tenazmente pelo êxito da sua família.
Uma mulher cujos filhos estarão no âmago de um mistério que há séculos intriga os historiadores: o misterioso desaparecimento dos dois príncipes encarcerados na Torre.

OPINIÃO: Eu queria perceber o fascínio de tantos por esta autora. Eu queria ler mais romances históricos. Eu queria não me aborrecer com a lentidão com que o género prima, e aprender mais sem me sentir a ler manuais escolares.

1- estreei-me com a autora com o a sua ficção fantástica e fiquei um tanto desiludida. Porém, foi-me dito que a sua verdadeira praia eram os históricos. Fui aconselhada a esquecer a experiência medíocre anterior e ler aquilo em que Gregory é de facto excelente.

2- sempre me interessei pela monarquia inglesa, sobretudo pela dinastia Tudor. Não! Disseram. Lê primeiro o que a antecede: a guerra dos primos.

3- não me vou aborrecer de morte? Depois, pensei: o livro de ficção fantástica que li dela não estava mal escrito e não era enfadonho, apenas tinha personagens que não cativavam por aí além. Pode ser que seja desta que encontre um autor do género que me surpreenda e que me ensine mais sobre o passado, sem me sentir a estudar para um exame.

Conclusão: Philippa Gregory é soberba! Estou apaixonada pela narrativa histórica dela, pela construção da personalidade destas gentes que existiram e pela leveza com que nos transporta para o passado e nos faz viver naqueles tempos tão controversos, tão difíceis.

Intrigas de corte, amores e desamores, lutas pelo poder, pessoas de carne e osso – com tantos defeitos como qualidades.

O primeiro volume da série “A guerra dos primos” apresenta Isabel Woodville que, não obstante ser de boas famílias, nunca previu a sua ascensão a rainha da Inglaterra. Baseado em factos reais e fruto de uma intensa pesquisa por parte da autora, esta história mais do que satisfaz e qualquer lacuna que possa ser indicada é devido à falta de documentação para sustentar o acontecimento – refiro-me à resolução do mistério dos príncipes desaparecidos, em especial.

É, certamente, uma série que vai habitar as minhas estantes para a posteridade.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s