Maximum Ride: Salvar o mundo – James Patterson

27SINOPSE: Alerta! Um grupo de seis jovens com poderes extraordinários está em fuga. O seu lider é Maximum Ride, ou Max, uma rapariga de 14 anos que consegue voar. Deve ser considerada perigosa.

Max e o seu bando estão destinados a grandes voos. Vivem em condições difíceis e não podem dar muito nas vistas. Afinal, seis miúdos com asas a atravessar os céus não passam despercebidos… Nesta aventura o grupo vai ter de escapar ao terrível plano genocida criado por cientistas maléficos, os batas-brancas. E como se não bastasse, há um traidor entre eles. A união entre todos os elementos vai ser posta à prova enquanto enfrentam os inimigos mais poderosos de todos os tempos.

Será que um romance insuspeito, um blogue seguido por milhões de fãs e algumas revelações vão contribuir para que a missão de salvar o mundo seja realmente possível? Os leitores de James Patterson não vão descansar enquanto não tiverem a resposta certa. Mas cuidado: estas páginas são completamente viciantes.

OPINIÃO:

Sinto que teria sido uma criança bem mais feliz, se tivesse tido oportunidade de ler esta coleção nos meus anos apaixonados por aventuras, por heroínas infalíveis e por aquelas amizades fofas que têm o seu quê de paixão.
Mais uma vez, temos Max e Fang na liderança do pequeno gangue de crianças mutantes. Porém, desta vez, um novo membro se junta, provocando muitas divergências no grupo. É logo a partir daqui que damos por nós a avaliar o poder do perdão e até onde chega a nossa capacidade de o fazer. De que forma é possível deitar para trás as desconfianças e abraçar um elo perdido que carrega uma grande bagagem de crimes e remorsos.
A morte. Aborda muito a morte e os sentimentos que advém da sua previsibilidade. Não é natural sabê-lo e a espera pode ser muito dolorosa, mesmo porque a esperança não arreda pé.
Lê-se num ápice, seja pelos capítulos muito curtos, pela escrita muito fluída e puramente informal do autor.
Adverte-se de que os destinatários principais desta coleção são os mais jovens, é um público juvenil. Contudo, sei que agradará aos mais graúdos que procurem uma leitura leve, para entreter.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s